Publicado por: Mr.Balboa | sábado, 10 janeiro 2009

O Assassinato

Eu devo dizer que nunca gostei muito dela. Eu até entendia o por que as pessoas gostavam dela. Eu entendia a finalidade dela no contexto, mas nunca fiz questão de vê-la por aí. Sorridente e serelepe. Não! Fazia tempo que ela não era sorridente e serelepe. Acho que ela já esperava a sua morte. Acho não! Tenho certeza. Ela sabia que iria ser varrida do mapa.

Seu apogeu já tinha passado. Ela não era tão requisitada como na sua época de ouro. Nos últimos dias apenas os mais antigos e poucos da atualidade tinham consciência de sua importância. Ela já tinha sido charmosa e teve seus encantos, mas o tempo é cruel. O tempo não perdoou ela também. Sofreu com um dos piores golpes que se possa tomar. O esquecimento.

É necessário deixar claro que quando se mata algo/alguém, não é uma coisa de um dia pro outro. Acontece fatos durante um certo espaço de tempo. Existem dicas que alguma coisa diferente vai acontecer. Ela não foi diferente. Ela sofreu alguns atentados das mais diferentes espécies. Uma foi a do esquecimento. Outra arma foi a ameaça. E a ameaça fez com que ela recuasse, fez com que ela diminuísse, fez com que ela aceitasse o seu destino.
E então ela passou a saber que ela iria morrer. Que era algo que ia acontecer e que não haveria volta. Ela sabia no final que contra forças maiores, não existia defesas elaboradas que resistissem. Que na verdade ela jamais conheceria os seus assassinos de verdade. Que aqueles que apareceriam com a arma, não eram os verdadeiros cérebros daquele golpe. E ficou triste por saber disso. Ela que já fora lembrada por pessoas importantes, não teria nem a dignidade de saber quem foi que a assassinou.
Mas ela também sabia que tinha deixado raízes em outros lugares. Que ela existiria em outros lugares com outros nomes. Que outras pessoas ainda dariam o reconhecimento que ela merecia.Que ela encontraria trabalho em outros lugares. Isso reconfortou o seu coração. Isso fez com que ela tivesse uma esperança no fim.
E no dia 01-01-2009 a trema foi assassinada com um fio de esperança de ser uma fênix e um dia retornar.

Anúncios

Responses

  1. Umlaut!

  2. Poizé.

    A Trema não morreu, apenas fugiu do Brasil e encerrou suas atividades nos países de lingua Portuguesa e foi para a gringa investir na sua carreira no Rock’n’Roll/Heavy Metal!

  3. É mesmo, alguém tinha que dizer “Para!” Foi uma boa ideia que veio de para-quedas. Talvez caiu no mar, mas estava de boia, então demorou mas chegou.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: