Publicado por: Mr.Balboa | segunda-feira, 11 maio 2009

4 – Líder do Esquadrão Vermelho (parte 2)

– O antigo capitão do esquadrão vermelho foi assassinado numa busca…ele queria achar a coroa de Cleopatra. Aquela da cobra…Enfim, ele morreu. Na hora que ele morreu o a pena dourada sumiu da bandeira – apontando para a bandeira – E assim foi instalada a dor e o caos…Não havia ninguém indicado por ele para se tornar o novo capitão. E havia uma ceerta urgência em se resolver isso, pois era o segundo time a ficar sem um capitão em menos de duas semanas. Os capitães se reuniram para tentar achar alguma solução para aquele problema que estava aparecendo e com isso dar início a uma investigação mais profunda desses dois acontecimentos. Quando os capitães se reunem, eles levam consigo a bandeira e uma pedra com ele…essa pedra pode fazer parte de um colar, brinco, ou de uma rua…enfim

A outra equipe a estar sem capitão era o Azul. Acho que uma mulher se candidatou a época para se tornar a comandante daquele time, mas foi recusada…Bom como eu disse os capitães levam as bandeiras e elas ficam penduradas em frente ao local que está sendo discutido o que quer que tenha que ser discutido. E obviamente todos os outros membros ficam perto daquele local. por dois motvios. Para fazer a proteção e pela curiosidade. Quando acabou a reunião foi decidido que iriam utilizar o ritual para a escolha dos capitães. Só que esse rito, pode modificar todos os times. Um capitão pode ser recusado e aí, é onde mora o perigo…

Foram preparadas 10 salas. Em cada sala é colocada uma bandeira. Até aí não tem nada demais. Ah sim, essas salas não são ligadas uma a outra de forma que não tenha a possibilidade de se conhecer quem são os escolhidos. Esse ritual costuma a demorar muito e eu não conhecia muita gente naquela época, então vocês podem imaginar que eu estava bem deslumbrado com tudo o que estava acontecendo. Quando o sol se pôs a cerimônia foi iniciada. Eu não sabia o que tinha que fazer. A única coisa que me disseram era que eu tinha que tentar entrar numa sala. Se você fosse o primeiro, você era o capitão, se não você passava a fazer parte dessa equipe a partir daquele momento. Só mais tarde eu fui entender como é que se faz para que aquilo acontecesse…(fazendo uma pausa para beber um pouco d’água).

Fiquei esperando um pouco para ver se conseguia olhar alguém fazendo a tentativa, mas não consegui chegar a nenhuma conclusão. Parti em direção da primeira sala que eu encontrei. Já tinha gente lá dentro e eu pude ver que a bandeira que estava ao fundo era Roxa. Nada mais lógico do que eu ir tentar entrar não é? Pois é…não consegui entrar. A porta parecia nunca chegar mesmo estando ridiculamente próximo. Entendi naquele momento que o meu tempo na equipe Roxa havia acabado. Quando eu cheguei nessa conclusão eu mudei de direção e fui em busca de outra a sala. A seguinte foi a sala da equipe Branca e a mesma coisa aconteceu. A terceira foi a Vermelha.

Eu já estava ficando ansioso para descobrir qual era a minha nova equipe. Encontrei a terceira sala e não tinha ninguém. Eu percebi que a bandeira vermelha estava pendurada na parede que fica em frente a porta. Eu quase não tentei entrar nela. Mas eu senti como se alguma coisa me atraísse para aquela sala. Fazia meu corpo sentir um sensação quente, meio elétrica e minha cabeça não conseguia pensar em muita coisa. Só conseguia sentir o que estava acontecendo. Fui andando em direção a sala e dessa vez não aconteceu nada…eu simplesmente entrei.

CONTINUA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: